Uma jornada sem volta: do papel para a telinha: salve o processo eletrônico!!!!

Você lembra? Havia até contestadores que chegaram a dizer que era um equipamento sem muito futuro… :o)

Os tempos evoluíram e então o telefone deixou de ser fixo para ser telemóvel:

A tecnologia evoluiu, o conhecimento científico e novas descobertas aperfeiçoaram, diminuindo o tamanho e aumentando a capacidade das baterias, além de mudando a plataforma de comunicação para 3 G – 3ª Geração agregando dados, voz e imagem, bem como acesso à Internet – catalizando uma prévia de inclusão digital, sem precedentes, das minorias sociais:

Reflita: se tudo evoluí, se os processos melhoram agregando facilidade de comunicação e conforto aos cidadãos, sofisticação, velocidade, segurança, interoperabilidade (*) e confiabilidade, então: por que não evoluir do paradigma limitado das “cabeças de papel” para as potencialidade e possibilidades do processo eletrônico?

Ontem:

HOJE E AMANHÃ:

A ordem é recicle seu conceitos, afinal estamos no IIIº Milênio e reciclar é preciso:

(*) qualidade dos sistemas computacionais trocarem informações e serem compatíveis entre si, observando modelos de requisitos e metadados padrões, sem atrelarem-se a sistemas proprietários de códigos fechados!

Sobre Jackson Guterres

Sou um Cientista Cristão brasileiro atuando como Praticista da Ciência Cristã na cidade de Salvador, capital da Bahia, no Brasil.
Esse post foi publicado em PROCESSO ELETRÔNICO, SUSTENTABILIDADE & ARQUIVISTICA SOCIAL e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s