Dia Internacional dos Arquivos, nova aculturação e 1ª Conferência Anual CIA no Brasil 2013!

O que é Arquivologia? Para que serve um Arquivo Público? O que é um documento arquivístico? Qual a contribuição da Arquivologia para facilitar o acesso à informação e na invenção da memória? Qual a metodologia e suporte legal para separar o que é um documento arquivístico dos demais que podem ser eliminados?

Qual a utilidade de criar representação digital dos documentos arquivísticos – digitalização ou microfilmagem(*) – e sua conexão com o processo eletrônico? Por que “eliminar também é preservar”, uma vez que, tecnicamente, a eliminação é salutar aos acervos, na medida em que ela libera espaço para preservar os documentos definidos na Tabela de Temporalidade como de arquivamento permanente? Como implantar uma política de arquivos como único modo de criar um novo aculturamento em relação à produção documental, à preservação, incluindo os acervos digitais e que colabore para abrir um diálogo com aqueles que criam imposições falsas sobre a Arquivologia? Todas essas e outras perguntas estamos batalhando, no dia a dia, para responder, fazendo o nosso melhor como Arquivistas. Abri esse post com um oceano de perguntas para dar realce à relevância do Arquivos, da Arquivologia e do Arquivista.

O Dia Internacional dos Arquivos ou “International Archives Day” – comemorado para celebrar  a data da criação do ICA [Conselho Internacional dos Arquivos ou “International Council of Archives“], que foi instituído pela UNESCO [Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura ou “United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization“] em 9 de junho de 1948, quando se aproveita a data da celebração para promover o valor das instituições de arquivos no serviço da pesquisa, da cultura, da memória e da transparência. O ICA apoia eventos locais para celebrar esse memorável dia, confira aqui.

O Brasil foi escolhido como o primeiro país a sediar a 1ª Conferência Anual 2013 do ICA, no Arquivo Nacional. O tema será: “A Transparência do Estado e o Direitos da Cidadania para Acessar a Informação.” (tradução livre de “State Transparency and Citizens’ Rights to Access to Information”. Mais informações no portal do ICA, clicando no link a seguir: ICA Annual Conference 2013

Hoje é um dia especialmente apropriado para revisitarmos e ampliar a difusão da DUA – Declaração Universal sobre os Arquivos

(*) A microfilmagem, embora seja um processo consagrado fotográfico de microfilmes, continua sendo o procedimento de preservação de vida útil mais longa e mais estável, sob condições ideais de climatização! Já existem no mercado, equipamentos que convertem a imagem microfilmada num documento digital no formato: .TIF ou .JPG – alguns chamam de microfilmagem eletrônica – o que tem apontado para o que se convencionou chamar de documento híbrido, face ao novo paradigma do processo eletrônico – onde os documentos já nascem digitais. 

Sobre Jackson Guterres

Sou um Cientista Cristão brasileiro atuando como Praticista da Ciência Cristã na cidade de Salvador, capital da Bahia, no Brasil.
Esse post foi publicado em DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS ARQUIVOS, DIA INTERNACIONAL DOS ARQUIVOS, DIREITO DE ACESSO, DUA, ICA-CIA 1ª Conferência Anual Brasil 2013, ICA/CIA CONSELHO INTERNACIONAL DE ARQUIVOS e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s